skip to Main Content

Faça já sua Análise Tarifária de forma eficiente!

Pessoa realizando o cálculo da análise tarifária

Que a energia elétrica é uma das maiores despesas de uma organização, isso você já sabe. A boa notícia é que você pode mudar esse cenário através da análise tarifária.

Muitas vezes, ainda que os responsáveis tenham ciência do que eleva de fato o custo da energia elétrica, é possível que haja outros fatores desconhecidos que contribuem para o aumento dos gastos com esta despesa.

Por isso, recorrer a essa análise tarifária pode ser a melhor saída para conhecer a fundo tudo o que influencia diretamente no valor final da fatura. Porém, não fazer de qualquer forma, modo, mas de maneira  adequada.

Se você deseja economizar com energia elétrica, esse post vai te ajudar com todas as informações que você necessita para fazer a análise tarifária de uma vez por todas!

Boa leitura!

O que é a análise tarifária?

Análise tarifária é uma pesquisa voltada a detalhar uma fatura de energia elétrica por um especialista no assunto. O estudo é feito a partir da observação do atual cenário dos gastos nos horários de ponta, fora-ponta, grupo e categoria tarifária. 

A partir dos dados coletados, o responsável pelo estudo estabelece as modificações que serão feitas no contrato que resultarão em economia de energia elétrica para a organização.

Sobre estes termos mencionados, explicaremos todos um a um nos próximos tópicos.

Custos integrados na análise tarifária 

Horários de ponta e fora-ponta

Cada horário em que a energia elétrica é utilizada possui uma demanda específica. Por essa razão, as operadoras de energia elétrica constituíram dois períodos para cada tarifa. No entanto, é importante deixar claro que há variações a depender da companhia de energia e da região.

Na ENEL, também conhecida como Ampla, companhia de energia elétrica do RJ, o horário de ponta acontece por três horas consecutivas, das 18:00 às 21:00 de segunda a sexta, não contemplando sábados, domingos e feriados nacionais.

Já o horário fora-ponta atende a um padrão semelhante ao horário de ponto. O que distingue um de outro é que o segundo possui uma hora a menos, sendo duas horas diárias consecutivas e complementares, incluindo sábados, domingos e feriados.

As informações estão disponíveis numa cartilha para os usuários, além de dicas e orientações para situações diversas. Se a ENEL não é a sua operadora de energia, você pode entrar em contato para obter os dados sobre o horário de ponta e fora-ponta.

Grupos tarifários

Os grupos tarifários são o melhor caminho para categorizar os consumidores a partir da divisão do grau de tensão utilizada. Conheça cada um dele:

  • Grupo A – formado pelas unidades utilizadoras com distribuição de tensão igual ou acima de 2,3 KV, ou  as que são atendidas por sistemas subterrâneos de fornecimento em tensão acessória;
  • Grupo B – formado pelas unidades formadoras com distribuição menor que 2,3 KV.

O Grupo A é subdividido  nos seguintes grupos:

  • A1 – 230 KV ou acima;
  • A2 – 88 a 138 KV;
  • A3 – 69 KV;
  • A4 – 2,3 a 44 KV;
  • AS – inferior a 2,3 KV.

Modalidade Tarifária

A modalidade tarifária é responsável por estabelecer como a cobrança da energia será realizada ao consumidor. 

Desse modo, há dois tipos de modalidades tarifárias distintas, entretanto, somente os subgrupos A4 e AS têm permissão para escolher entre a categoria azul ou verde, enquanto os demais permanecerão automaticamente na azul. 

Banner1

Veja as particularidades de cada uma delas:

  • Modalidade Tarifária Azul – aqui o cliente pode adquirir dois tipos de serviços, sendo um para o horário de ponta e outro para o horário fora-ponta. De forma semelhante ocorre com o consumo de energia elétrica, onde a operadora fará a cobrança isoladamente do horário de ponta e fora-ponta;
  • Modalidade Tarifária Verde – diferente da modalidade azul, o consumidor escolhe apenas um serviço que será válido tanto para o horário de ponta quanto para o horário fora-ponta. A companhia fará a cobrança apenas do maior valor dos dois períodos.

Há outra modalidade tarifária além da verde e azul. Confira:

  • Convencional – a conta de energia elétrica é formada é constituída por duas partes, uma referente ao consumo e outra referente ao serviço contratado.

De que forma a análise tarifária é aplicada?

A análise tarifária é feita  com base em muitos estudos realizados. Como falamos logo no início do conteúdo, pesquisas são feitas de modo a levantar dados para melhor compreensão da situação.

O que talvez você não saiba é que essa tarefa só deve ser realizada por uma equipe ou profissional totalmente qualificado. É aqui que entra em ação o time da área de engenharia,

O primeiro passo para fazer a análise tarifária é ter em mãos todos os registros detalhados do consumo de energia elétrica dos últimos 12 meses. Caso você não tenha em mãos estas informações, é só entrar em contato com a operadora da sua região e solicitar.

Depois disso, é preciso fazer alguns cálculos e observações acerca dos serviços e histórico de consumo. Essa etapa é essencial para a análise tarifária, pois é quando se define qual é a melhor parcela de aquisição e modalidade tarifária. Isso possibilita saber qual o melhor formato ao final do processo.

Além disso, é possível realizar outros tipos de estudo da conta de energia, como, por exemplo, a eventualidade da energia reativa e ajuste do fator de potência.

Para finalizar, a análise tarifária exigirá a elaboração de documentos variados para fazer o requerimento de alteração junto à operadora de energia elétrica responsável pela sua localidade. Para dar maior celeridade ao processo, deixe que esta tarefa seja executada por uma equipe altamente preparada.

Nós podemos te ajudar com a análise tarifária da sua empresa!

Nós não poderíamos deixar você sair daqui sem te deixar saber que nós podemos resolver o seu problema relacionado ao alto custo de energia elétrica. 

A Fluxo Consultoria conta com a expertise de profissionais de altíssimo nível. Uma equipe pronta para te atender e ajudar a solucionar o seu problema de uma vez por todas.

Mais, além de realizar, a nossa equipe acompanha de perto a necessidade de cada cliente, fazendo tudo o que está ao alcance para entregar a melhor solução em análise tarifária do mercado.

Além desta, nós dispomos de outras categorias de estudos além da análise tarifária que complementam e ajudam na diminuição de despesas com energia elétrica. 

Neste cenário, temos as pesquisas voltadas para a área de eficiência energética. O objetivo é reduzir o consumo de energia elétrica. Outra alternativa para a sua organização é optar pela instalação de fontes de energia renovável, como, por exemplo, a  fotovoltaica.

Se a sua organização é de grande porte, temos uma dica: nós podemos analisar a possibilidade de introduzi-la no Mercado Livre de Energia. Grandes empresas, quando adotam esta alternativa, percebem que foi uma opção muito adequada para o seu quadro.

Conclusão

A análise tarifária é uma ferramenta que proporciona aos consumidores entender de modo mais detalhada a sua fatura de energia elétrica. A partir de um estudo bem aplicado, os profissionais envolvidos encontrarão a melhor forma de economizar na hora de pagar a fatura do seu negócio.

Como já dissemos anteriormente, nós podemos ajudar você a diminuir os custos com energia elétrica na sua companhia. Entre em contato agora mesmo com o nosso time de especialistas e agende uma visita para diagnóstico, sem qualquer custo. 

Esperamos que este conteúdo tenha te ajudado a entender a importância da análise financeira. Para conhecer mais sobre áreas relacionadas, basta ficar de olho no nosso blog. Nos vemos no próximo post. Até mais!

9 passos para um planejamento de obra completo!
Instalações Prediais: aprenda a fazer um projeto bom e completo

Outros assuntos:

This Post Has 0 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CNPJ: 72.387.608/0001-21

A Fluxo Consultoria é uma empresa sem fins lucrativos, visando fomentar o empreendedorismo no Brasil através de projetos de engenharia de alta qualidade e custo abaixo do mercado. Todo o valor ganho é revertido para a formação profissional dos nossos membros e alunos da UFRJ.