skip to Main Content

Compatibilização de projetos: como fazer e quais as vantagens para a obra

Pessoas estudando compatibilização de projetos

A compatibilização de projetos na construção civil é uma tendência em alta no Brasil. Principalmente, devido aos inúmeros benefícios que essa metodologia traz para a construção de um imóvel.

É muito interessante falar sobre este assunto, porque poucas pessoas conhecem, mas é primordial estar por dentro de TUDO!

Mas você sabe como funciona a compatibilização de projetos? Nós vamos explicar. Você vai descobrir também qual a sua importância para o resultado. E como isso pode beneficiar na qualidade do projeto e economia de custos. Continue a leitura e descubra!

Afinal, o que é compatibilização de projetos?

Compatibilização é quando todos os projetos envolvidos na construção civil são desenvolvidos de forma integrada. Ou seja, estamos falando aqui do projeto de arquitetura, projeto estrutural, instalações elétricaspaisagismo, sistema hidráulico, instalação de ar condicionado e por aí vai.

Todos esses itens são essenciais para a construção de um imóvel. Agora imagine só, cada profissional responsável por uma etapa trabalhando sem se comunicar com os demais, as chances de dar algo errado são enormes, concorda?

Com o alinhamento das etapas será elaborado um planejamento para contenção de riscos, onde será analisada a possibilidade de interferências entre os projetos. A partir disso, então, traçar ações que vão minimizar os riscos que podem surgir durante a obra.

Ou seja, com a compatibilização de projetos será possível localizar incompatibilidades antes mesmo do início das obras.


Quais são os seus benefícios?

#01. Execução simplificado e otimizada da obra

O principal benefício dessa medida é a possibilidade de resolução e avaliação de problemas ainda durante a fase de elaboração das obras, o que vai evitar surpresas durante a fase de construção.

#02. Interação entre os profissionais

Aumenta as chances da elaboração de um projeto com um maior nível de qualidade. Uma vez que com o estabelecimento de uma comunicação entre os profissionais envolvidos no projeto pode auxiliar com soluções mais assertivas para o imóvel.

#03. Redução dos gastos

Ao realizar a compatibilização de projetos será feito uma avaliação dos problemas que podem causar conflitos entre os diversos projetos que devem compor a construção de um imóvel.  

Dessa forma, ao reduzir os custos, uma consequência será a redução dos gastos. Afinal, já terá sido estipulado no planejamento a quantidade de material necessário, o que por sua, irá evitar desperdícios de materiais durante a execução da obra.

Estima-se que a compatibilização de projetos pode gerar uma economia de 5% a 10% no orçamento final da obra.

Banner1

#04. Obra entregue no prazo

Uma das maiores reclamações de clientes em projetos de construção civil é relacionado à atrasos na obra. Mas não precisa ser assim. E a compatibilização de projetos pode ajudar com isso.

Afinal, quando se há um planejamento prévio e embasado de toda a estrutura do projeto, levando em consideração todas as etapas e ainda prevendo os riscos (como influência de chuvas, por exemplo) será estimado um prazo hábil e muito mais assertivo para a finalização da construção. As chances de atraso diminuem consideravelmente.

E como deve ser elaborado a compatibilização de projetos?

A compatibilização de projetos é feita durante a fase de elaboração do imóvel. Através de um software, como o AutoCad, por exemplo, é realizada uma sobreposição dos desenhos dos profissionais que devem estar envolvidos na construção.

A partir disso, é possível identificar alguma interferência entre suas ideais que podem trazer problemas quando a obra começar de fato.

Em seguida, caso haja algum tipo de interferências, estas devem ser solucionadas antes do início das obras. Para que, então, seja elaborado um orçamento da obra para enfim colocar a mão na massa.

Para isso, o recomendado é que o cliente opte por contratar uma mesma empresa. Ou seja, focar o trabalho de mão de obra em um único lugar. Dessa forma, o trabalho entre os profissionais será muito mais alinhado e otimizado.

Como otimizar a compatibilização de projetos?

Quanto maior o porte da obra, mais complexos seus projetos se tornam. Em consequência, é preciso mais profissionais para garantir que todo o planejamento e a compatibilização se desenvolva de forma harmoniosa e precisa.   

Além disso, para uma boa compatibilização de projetos, o Coordenador de Projetos precisa ter grande experiência, conhecimento técnico e olhar “tridimensional” para avaliar a sobreposição dos elementos que envolvem o projeto executivo. 

No entanto, todo este processo pode – e deve – ser otimizado. Hoje, é a tecnologia BIM que usa como base a modelagem virtual de projetos em 3D, reunindo as informações de diversos softwares de projetos e gerenciamento de construção em um único ambiente (ou também chamado de “Modelo Federado”).  É por meio do BIM que se consegue precisão e agilidade na sobreposição desses projetos, funcionando como uma grande ferramenta de gestão da obra, e tornando o processo mais simples e conectado de ponta a ponta.

Conclusão

Viu? A compatibilização de projetos é essencial para o sucesso de um projeto, antes mesmo dele começar! Caso você tenha gostado do conteúdo, recomende para um amigo, ou se tiver alguma dúvida. Entre em contato com um de nossos especialistas.

Até o próximo conteúdo! :)

Descubra 6 benefícios que a Arquitetura Sustentável pode te oferecer
Entenda como fazer automação residencial + exemplos

Outros assuntos:

This Post Has 0 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CNPJ: 72.387.608/0001-21

A Fluxo Consultoria é uma empresa sem fins lucrativos, visando fomentar o empreendedorismo no Brasil através de projetos de engenharia de alta qualidade e custo abaixo do mercado. Todo o valor ganho é revertido para a formação profissional dos nossos membros e alunos da UFRJ.