skip to Main Content
Responsabilidade Socioambiental Empresarial: O Que é E Como Aplicar Na Sua Empresa.

Responsabilidade Socioambiental Empresarial: O que é e como aplicar na sua empresa.

Falar de responsabilidade socioambiental empresarial, é falar da vida. Após o início da atividade industrial no mundo, foi possível observar seus impactos, e dos seus resíduos e efluentes quando despejados na natureza sem tratamento. Ambos os impactos sociais e ambientais causados pelas indústrias trazem um peso que pode causar uma queda brusca na popularidade da empresa.

No cenário atual, pautas sociais e ambientais têm cada vez mais ganhado popularidade dentro da nossa sociedade. Assim, tornou-se muito favorável para as empresas que elas se atentarem nesses assuntos, já que a sociedade tem cobrado por uma postura que se baseie em responsabilidade social e ambiental.

Esta cobrança influencia a ciência, política, legislação e as formas de gestão e planejamento, que sob a pressão crescente dos órgãos responsáveis pela regulação e fiscalização das organizações não governamentais, do próprio mercado, como também entidades financiadoras, como bancos, seguradoras e os próprios clientes da empresa.

Para diminuir essas cobranças da sociedade, muitas empresas criaram  gerências específicas de responsabilidade social e esses setores têm a missão de promover a difusão e colocar em prática os conceitos de responsabilidade social e ambiental e de sustentabilidade junto a todas as áreas da empresa.

Mas afinal, o que é responsabilidade socioambiental empresarial?

O termo responsabilidade socioambiental empresarial se refere a um modelo de gestão que propõe uma relação ética e transparente da empresa com a sociedade.

Devem ser estabelecidas metas empresariais que incentivem a empresa a praticar um desenvolvimento sustentável, com uma redução na necessidade de recursos ambientais e culturais para as próximas gerações, sempre respeitando as diferenças e promovendo uma redução nas desigualdades sociais.

Ter responsabilidade social e ambiental se tornou um fator de competitividade para as empresas no mercado. Antigamente, o fator mais importante de competitividade no mercado era o preço do produto ou serviço, após isso foi a qualidade, agora a responsabilidade social que desempenha esse papel.

Por este motivo, tem se tornado importante o investimento constante no aprimoramento das relações, sejam de qual ordem for. Assim, uma empresa que adota as práticas de responsabilidade socioambiental, executa uma gestão consciente com uma maior clareza quanto a própria missão da empresa.

Responsabilidade Socioambiental com criatividade
Foto de Singkham no Pexels

Além de também exibir um melhor ambiente de trabalho, maior engajamento por parte de seus colaboradores, com relações mais sólidas com seus clientes, fornecedores e uma imagem melhor junto a comunidade. 

Todos esses fatores resultam em diversas vantagens para a empresa, onde ela se mantém mais tempo no mercado, com uma grande possibilidade de se desenvolver, expandir e diminuir os riscos de fracasso que está exposta.

O universo empresarial tem uma enorme importância na garantia da preservação ambiental e no que diz respeito a qualidade de vida das comunidades formadas por seus funcionários e clientes.

Quando as empresas adotam a responsabilidade socioambiental geram valor tanto para a própria empresa quanto para todos que estão em sua volta, de modo que não mais seja apenas mais uma opção, e se tornando uma parte da estratégia e até mesmo de sobrevivência no mercado.

Como fazer uma boa gestão de responsabilidade socioambiental empresarial

Para guiar a empresa na busca por uma responsabilidade socioambiental empresarial, temos 7 diretrizes que têm como função indicar o caminho a ser seguido. Essas atitudes são:

Adotar valores e trabalhar com transparência

A primeira diretriz indica a instituição de uma cultura de responsabilidade socioambiental dependerá dos valores que a empresa institui e dissemina para que se promova o envolvimento de todos os colaboradores.

Com a adoção de valores que promovam a responsabilidade socioambiental da empresa, é preciso se trabalhar com transparência, deixando claro tanto para os colaboradores quanto para a sociedade que suas atividades estão sendo executadas considerando os valores da empresa.

Valorizar empregados e colaboradores

Para que se estabeleça os valores éticos e a transparência nos seus trabalhos e decisões sólidas que geram a responsabilidade socioambiental, é essencial que a direção da empresa pratique a disseminação desses valores em conjunto com o exemplo necessário.

Portanto, se deve haver o incentivo ao respeito interno desde a contratação que tenha foco no respeito à diversidade, sem se ater a preconceitos, até o tratamento no dia a dia.

Em empresas que não praticam essa diretriz, se tem um péssimo clima organizacional. Esse clima organizacional tem consequências sobre fatores que vão desde a produtividade da empresa até as suas vendas, pois os clientes não irão comprar seus produtos quando se há uma cultura de desrespeito.

Fazer sempre mais pelo meio ambiente

Para essa diretriz, não basta apenas se atender às normas ambientais dos órgãos responsáveis, mas também se adotar uma produção mais limpa e enxuta, com o mínimo de desperdícios possíveis.

Para isso, se deve tomar ações voltadas ao uso de mecanismos que tornem as atividades da empresa menos agressivas ao meio ambiente, minimizando o escoamento resíduos, prevenindo que os agentes poluidores sejam despejados no ambiente, e o uso racional de água e energia.

Envolver os parceiros e fornecedores

Como uma das diretrizes com um foco mais social, envolver os parceiros e fornecedores em suas atividades e seus valores que promovam a responsabilidade social e ambiental da empresa.

Proteger os clientes e consumidores

Na proteção dos clientes e consumidores está a todas as ações sociais que respeitam e seguem os direitos humanos e direitos do trabalho. 

Ações que impedem a poluição do ambiente, promovem o respeito social, são operações que protegem os clientes e consumidores, sejam direta ou indiretamente.

Promover sua comunidade

Praticar cursos e atividades em conjunto com a comunidade em que a empresa está inserida, não só melhoram a imagem da empresa com a sociedade, mas também ajudar a própria comunidade a crescer.

Sejam essas práticas uma atividade lúdica de descontração, ou um curso promovido pela empresa, irão ajudar a comunidade a se desenvolver melhor e de maneira mais ética.

Comprometer-se com o bem comum

Se ter uma gestão transparente e ética, onde não se esconde da sociedade as atividades que podem causar impactos ao meio ambiente ou impactos sociais e financeiros, auxilia a empresa a cumprir essa diretriz.

O bem comum que as empresas devem estar comprometidas para se ter responsabilidade socioambiental empresarial, se trata não só do bem da empresa, seus colaboradores e parceiros, mas sim do bem-estar de toda a sociedade em que a empresa está inserida.

This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *